Assistente do Google vai compartilhar “boas notícias”[ 2 min ]

A Assistente do Google passará a compartilhar razões para acreditar num mundo melhor.

O Google anunciou esta semana em seu blog oficial que utilizará seu assistente de voz para compartilhar boas notícias.

E, é preciso dizer, viemos dizendo isso aqui no Razões para Acreditar há pouco mais de 6 anos: coisas boas tem um efeito incrível nas pessoas que a leem.

A gigante da internet explica que é muito fácil esquecer a quantidade de coisas boas que acontecem no mundo pelo fato de estarmos sempre diante de desastres e tragédias que nos entristecem.

Por isso, a Assistente do Google passará a compartilhar algumas dessas razões para acreditar num mundo melhor. O usuário vai precisar dizer apenas: “Hey Google, tell me something good” que em tradução livre ficaria: “Ei, Google, me conta uma coisa boa”.

“É um novo recurso experimental para usuários do Google AdWords nos Estados Unidos que fornece sua dose diária de boas notícias. Basta dizer ‘Ei, Google, me conta uma coisa boa’ para receber um breve resumo de notícias sobre pessoas que estão resolvendo problemas para nossas comunidades e nosso mundo”, diz a publicação.

“Não é para ser uma solução mágica. Mas é uma experiência que vale a pena tentar porque é uma informação que pode trazer algo de bom para o seu dia. Dê uma chance ao ‘Diga-me Algo Bom’ utilizando qualquer dispositivo habilitado para o Assistente, incluindo seu smartphone, o Smart Display ou o Google Home.”

Em conversa com a Psicóloga Cecilia Dassi, perguntamos sobre a importância das notícias boas na vida das pessoas e em especial dos pacientes dela. Eis a resposta:

“É fácil acabarmos focando demais nos problemas, por isso indico aqui [o site aos pacientes]. Há até explicação evolutiva para isso, precisamos olhar os riscos que o mundo oferece, como forma de auto preservação o cérebro foca mais mesmo nos aspectos perigosos. Mas isso vai nos desanimando, criando raiva e culpa por fazer parte de uma humanidade tão horrível, e por outro vai assustando e desenvolvendo ansiedade. Enxergar a humanidade por outra perspectiva traz empatia, senso de comunidade, pertencimento, amor universal. Essas coisas todas são tão importantes para a saúde mental e para o bem estar subjetivo.”

Ou seja, estava mais que na hora do Google perceber e fazer um projeto com esse foco.

A novidade é uma razão para acreditar que a inteligência artificial, tão temida, por conta de séries como ‘Black Mirror’, por exemplo, pode ser usada para deixar o dia das pessoas mais leves, em meio a tanta notícia negativa, na televisão e mesmo na internet. Por enquanto, não há uma previsão de quando o serviço chegará ao Brasil.

Fonte: Razões para acreditar.

[amazon_link asins=’8551001523,B00CMDED6K,8575225170,8543102774,B00B4BC8IG,B06WP982HX,B01262Q4J0,B00AH3BRK2,8573287470,B015QFSWMG’ template=’ProductCarousel’ store=’green-business-post-20′ marketplace=’BR’ link_id=’ef91aa70-adef-11e8-a1a9-e1c068692d32′]

Se estamos lhe agregando de alguma forma, apoie a profissionalização do canal. Faça um pix de qualquer valor para pix@greenbusinesspost.com e mantenha o nosso time empenhado na geração de novos conteúdos.

Click Here
Newsletter
Faça como 350 mil pessoas e receba conteúdos exclusivos! Inscreva-se aqui!!

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do GREEN BUSINESS POST.

👍 REPUBLIQUE nosso conteúdo de acordo com a Collaborative Progress License!

🫶 APOIE: ao adquirir produtos por meio de links no site, você estará apoiando o autor/canal sem pagar nada a mais por isso.

👣 ACOMPANHE nossas redes no Everlink.

💪 PARTICIPE das discussões sobre ESG+ no Facebook.

Lenah Sakai

Ex-atleta, green fellow (vegetariana, minimalista), trabalhando duro para tornar as organizações, os maiores impactadores do planeta, mais responsáveis. Formada em administração pela PUC-SP, há +10 anos atua em negócios e sustentabilidade. Fundadora do Green Business Post, co-fundadora da Ignitions Inc., do movimento Cultura Empreendedora, do DIRIAS, 1ª associação de direito digital do Brasil e da ABICANN, 1ª associação das indústrias de cannabis do Brasil. Hoje é gestora de uma rede de 5 milhões de pessoas do ecossistema empreendedor nacional e internacional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *