Oportunidade de R$2,3 bi no setor de fertilizantes[ 2 min ]

Visando a ampliação da produção de fertilizantes no Brasil, projeto Santa Quitéria, no Ceará, aumenta a segurança alimentar

Por: Roberto Souza | Indústria e Construção Civil | 08 junho 2022.

O Projeto Santa Quitéria é desenvolvido a partir do consórcio entre a estatal Indústrias Nucleares do Brasil (INB) e a empresa privada Galvani, fabricante de fertilizantes baiana, e objetiva a construção e a operação de um complexo mineroindustrial para a extração de fosfato e urânio na jazida de Itataia, no estado do Ceará.

Atualmente, o projeto está em fase de licenciamento ambiental e estão sendo realizadas, durante os dias 7, 8 e 9 deste mês, audiências públicas sobre o empreendimento nos municípios de Santa Quitéria, Itatira (no Distrito Lagoa do Mato) e Canindé, respectivamente.
A operação desta iniciativa irá ampliar a oferta de fertilizantes para as lavouras brasileiras, o que é de suma importância para a redução da dependência do país em relação à importação destes produtos. Hoje, mais de 85% dos fertilizantes consumidos aqui são provenientes do comércio com o exterior.

Sob esse viés, a plena operação da jazida de Itataia, localizada em Santa Quitéria, no Ceará, proporcionará a produção de cerca de 1,05 milhão de toneladas de fertilizantes fosfatados anualmente. Dessa forma, se somada a produção atual da empresa Galvani – uma das formadoras do Consórcio Santa Quitéria -, o volume fabricado será correspondente a 25% da demanda das regiões Nordeste e Norte.

8.400 empregos para fertilizantes

Durante as obras, serão gerados cerca de 8.400 empregos diretos e indiretos, enquanto que, no período de operação do complexo mineroindustrial, o Ceará será contemplado com 2.800 novas oportunidades de trabalho. O investimento destinado ao Projeto Santa Quitéria, por sua vez, é equivalente a mais de R$ 2,3 bilhões.

Além do mais, o Projeto Santa Quitéria produzirá também 220 mil toneladas por ano de fosfato bicálcico para ração de gado, quantia correspondente a 50% da demanda atual desses insumos nas regiões Norte e Nordeste.

Diante disso, é possível notar o papel importante desempenhado pelo Projeto Santa Quitéria para o Plano Nacional de Fertilizantes (PNF), o Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) e o Plano Nacional de Energia (PNE), estando incluído na Política Pró-Minerais Estratégicos.

A jazida de Itataia para fertilizantes

A Jazida de Itataia consiste em uma reserva brasileira de fosfato e urânio, sendo um dos projetos do Governo Federal visando à redução da dependência do país em relação à obtenção de fertilizantes do mercado internacional. Como já mencionado, a jazida encontra-se situada no município de Santa Quitéria (Ceará), a cerca de 210 km de Fortaleza.

Na reserva, estão presentes de forma conjunta o fosfato, que pode ser utilizado como matéria-prima para o agronegócio, e o urânio, potencial combustível para as usinas nucleares. O primeiro é predominante em Itataia, visto que equivale a 90% da jazida, onde são encontradas aproximadamente 8,9 milhões de toneladas do mineral. O urânio, por sua vez, é estimado em 80 mil toneladas.

O consórcio formado pela Indústrias Nucleares do Brasil (INB) e pela Galvani está, desde 2011, habilitado a explorar a jazida. Em 2017, as empresas apresentaram o Relatório de Impacto Ambiental (Rima) e esperam que a aprovação possa ser acelerada, uma vez que já teve início o Plano Nacional de Fertilizantes (PNF).

Por fim, é muito relevante observar que a Jazida de Itataia possui o maior teor de fosfato do Brasil, além de apresentar também, como subproduto, a maior reserva de urânio do país.

Fonte: Click Petróleo e Gás.

Se estamos lhe agregando de alguma forma, apoie a profissionalização do canal. Faça um pix de qualquer valor para pix@greenbusinesspost.com e mantenha o nosso time empenhado na geração de novos conteúdos.

Click Here
Newsletter
Faça como 350 mil pessoas e receba conteúdos exclusivos! Inscreva-se aqui!!

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do GREEN BUSINESS POST.

👍 REPUBLIQUE nosso conteúdo de acordo com a Collaborative Progress License!

🫶 APOIE: ao adquirir produtos por meio de links no site, você estará apoiando o autor/canal sem pagar nada a mais por isso.

👣 ACOMPANHE nossas redes no Everlink.

💪 PARTICIPE das discussões sobre ESG+ no Facebook.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.