American Express emite títulos ESG de US$1 bilhão[ 2 min ]

Recursos do título ESG serão destinadas a projetos mais responsáveis com temas como energia renovável, economia circular e edifícios verdes ao longo de 2 anos.

A American Express Company anunciou a liquidação do primeiro Título Ambiental, Social e de Governança ( ESG ) da empresa, cujos recursos podem ser alocados para projetos de financiamento sustentável nas categorias Verde e Social, conforme indicado pelo recém-desenvolvido American Express Sustainable Financing Framework, que está alinhado com a estratégia global de ESG da empresa.

Os projetos da categoria Verde incluem aqueles relacionados a edifícios verdes, melhorias de eficiência energética e energia renovável, e economia circular, que inclui projetos de produção responsável, como o objetivo da empresa de ter a grande maioria dos cartões que emite feitos com pelo menos 70% de reciclados ou plástico reciclado até o final de 2024. Os projetos sociais são compostos por iniciativas ligadas ao avanço e empoderamento socioeconômico, acesso a serviços essenciais e moradias populares. Espera-se que todos os recursos líquidos do financiamento sustentável sejam totalmente alocados aos projetos elegíveis dentro de dois anos a partir da data de emissão.

A Estrutura de Financiamento Sustentável da empresa orientará suas transações de financiamento Verde, Social e de Sustentabilidade. Desenvolvido em alinhamento com os princípios Green Bond 2021 da International Capital Markets Association (ICMA), os princípios ICMA Social Bond 2021 e as diretrizes ICMA Sustainability Bond 2021, a estrutura descreve o uso de recursos, processo para avaliação e seleção de projetos, gerenciamento de recursos e relatórios relacionados a transações de financiamento Verde, Social e de Sustentabilidade. A estrutura foi avaliada de forma independente pela Moody’s ESG Solutions.

Estratégia ESG
A estratégia ESG da American Express visa mobilizar seus negócios para enfrentar os desafios globais prementes; ajudar pessoas e empresas a prosperar; e criar comunidades equitativas, resilientes e sustentáveis. A estratégia é composta por três pilares: Promover a Diversidade, a Equidade e a Inclusão (DE&I); Construir Confiança Financeira; e Soluções Avançadas para o Clima.

Para orientar a estratégia, a American Express estabeleceu metas iniciais para incluir um Plano de Ação de ED&I de US$ 1 bilhão, um compromisso de zero emissões líquidas de carbono até 2035 e manter um forte apoio a pequenas empresas, inclusive atingindo US$ 100 bilhões em gastos de consumidores em pequenas, varejistas ou restaurantes de propriedade independente no Small Business Saturday e durante outras campanhas Shop Small de 2021 a 2025. Mais informações sobre a estratégia e as metas ESG da American Express podem ser encontradas em seu  Relatório ESG mais recente.

Fonte: Environmental Leader.

Se o conteúdo foi útil, compartilhe, e se puder, faça um pix de qualquer valor para pix@greenbusinesspost.com e mantenha o nosso time empenhado na geração de novos conteúdos.

Click Here
Newsletter
Faça como 350 mil pessoas e receba conteúdos exclusivos! Inscreva-se aqui!!

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do GREEN BUSINESS POST.

REPUBLIQUE nosso conteúdo de acordo com a Collaborative Progress License!

APOIE: ao adquirir livros e outros produtos por meio de links no site, você estará apoiando o autor ou o canal sem pagar nada a mais por isso. 🙂

PARTICIPE dos grupos de discussão:  FacebookGoogle

Lenah Sakai

Ex-atleta, green fellow (vegetariana, minimalista), trabalhando duro para tornar as organizações, os maiores impactadores do planeta, mais sustentáveis. Formada em administração pela PUC-SP, há +10 anos atua em negócios e sustentabilidade. Fundadora do Green Business Post, co-fundadora da Ignitions Inc., do movimento Cultura Empreendedora, do DIRIAS, 1ª associação de direito digital do Brasil e da ABICANN, 1ª associação das indústrias de cannabis do Brasil. Hoje é gestora de uma rede de 5 milhões de pessoas do ecossistema empreendedor nacional e internacional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.